Valeriana Composta 30cápsulas

Valeriana Composta 30cápsulas

  • REF. 221
  • Disponibilidade: Encomendar Manipulação
  • R$ 37,90

    R$ 37.90
  • 1x de R$ 37,90 sem juros
Composto fitoterápico com ação calmante e auxiliar na indução do sono natural
1x de R$ 37,90 sem juros

Calcule o freteNão sei meu CEP

DETALHES DO PRODUTO

DESCRIÇÃO:

Valeriana Composta é associação de Extrato Seco Vegetal  de Valeriana officinalis, Grinfonia simplifolia e Passiflora sp.


Valeriana officinalis extrato seco:  A atividade terapêutica derivada da Valeriana corresponde fundamentalmente com dois aspectos: antiespasmódico e sedante. Com certeza o segundo efeito é mais valioso na sua utilização na clínica médica, já que existe um sinergismo entre os valepotriatos e o óleo essencial. Os efeitos sedativos esperados com relação à potência farmacológica são menores que os proporcionados pelos benzodiazepínicos e outros compostos similares. Várias experiências demonstraram que a raiz da Valeriana é um excelente indutor do sono em pacientes que não haviam se submetido a outros tratamentos. Assim sendo, um ácido volátil, a valeranona se comporta como um modulador do sono e inclusive participa na diminuição dos níveis de 5-O-Htriptamina e noradrenalina no cérebro de coelhos. 


Grinfonia simplifolia extrato seco: O 5 Hidroxitriptofano (5-HTP) é um precursor do neurotransmissor serotonina. O aminoácido triptofano é convertido em 5 HTP que por sua vez dá origem à serotonina. O 5-HTP é encontrado nas sementes da Griffonia simplicifolia, uma planta natural do oeste da África (Gana, Costa do Marfim e Togo). Esta planta tem sido usada tradicionalmente na medicina africana para inibir diarréia, vômito e constipação, e também como um afrodisíaco. Por sua vez a serotonina presente no organismo tem diversas funções, tais como: o controle da liberação de alguns hormônios, a regulação do ritmo circadiano (o ciclo do sono e do despertar no indivíduo, quando convertida em melatonina), do sono e do apetite. A serotonina também produz um efeito inibitório que acalma e promove sensação do contentamento.


Passiflora sp extrato seco: Devido aos alcaloides e flavonóides, age como depressor inespecífico do sistema nervoso central, resultando em uma ação sedativa, tranquilizante e antiespasmódica da musculatura lisa. Também tem atividade cardiovascular devido ao fato de diminuir por instantes a pressão arterial e ativa a respiração, deprimindo a porção matriz da medula. A passiflorina é similar a morfina e é um medicamento de grande valor terapêutico como sedativo e que apesar de narcótico, não deprime o sistema nervoso central. E também possui efeitos analgésicos o que justifica o seu emprego nas nevralgias. 


INDICAÇÃO:

Ansiedade; insônia; na taquicardia; na hipertensão arterial; nas cefaléias; na síndrome do cólon irritável; nos espasmos gastrintestinais; nas parasitoses; como coadjuvante em tratamentos de epilepsia; em contusões; em dermatoses; no stress; na asma e broncoespasmos de origem nervosa

Proporciona ação tranquilizante e sedativa natural. Diminui sintomas de ansiedade e tensão emocional auxiliando na indução do sono natural e restaurador.

Regulação do Humor.


COMPOSIÇÃO:

Valeriana officinalis extrato seco 100mg

Grinfonia simplifolia extrato seco  50mg

Passiflora sp. extrato seco            100mg

Excipiente qsp                             1 cápsula



MODO DE USO:

Ingerir 1 a 2 cápsulas à noite.


VALIDADE:

6 meses.


VENDA SOB  PRESCRIÇÃO DE PROFISSIONAL HABILITADO, PODENDO SER NOSSA FARMACÊUTICA,     RESOLUÇÃO     586/2013   -   CONSELHO DE FARMÁCIA 



TOXICIDADE / CONTRA-INDICAÇÕES:

É contraindicado em pessoas de hipotensão. 

Os efeitos secundários ocasionais relatados com o uso de 5-HTP incluem náuseas, vômitos e diarréia.

Devido a sua ação sobre o sistema nervoso central (Valeriana officinalis), não se recomenda seu uso prolongado já que pode provocar dependência. 


REFERÊNCIA BIBLIOGRÁFICA:

PR VADEMECUM DE PRECRIPCIÓN DE PLANTAS MEDICINALES. 3ª edição. 1998.

COSTA, A. F. Farmacognosia. Volume 1. Fundação Gulbenkian Calouste. Lisboa. 1994.

FARMACOPÉIA BRASILEIRA. 4ª edição. 1996 SCHAWENBERG, P.; PARIS, F. Guia de las Plantas Medicinales. Omega. 1980.

COIMBRA, R. Manual de Fitoterapia. 2ª. edição. 1994. WHO monographs on selected plants. 1st edition. Volume 1. 1999.

SOARES, A. D. Dicionário de Medicamentos Homeopáticos. 1ª edição. Santos Livraria Editora. 2000.

ALONSO, J. R. Tratado de Fitomedicina. 1ª edição. Isis Ediciones. Buenos Aires. 1998

ALONSO, J., Tratado de Fitofármacos y Nutracêuticos, Ed. Corpus, 2004

SHAW K; Turner J; Del Mar C . Tryptophan and 5-hydroxytryptophan for depression. Cochrane Database Syst Rev; (1): CD003198, 2002.

ALONSO J. Tratado de Fitofármacos y Neutracéuticos, 1°ed, Argentina, 2004.

ÁVILA, L. C. Índice terapêutico fitoterápico – ITF. 2 ed. Petrópolis, RJ, 2013

SILVA, Flávia Matos; et al. Enxertia de mesa de Passiflora edulis Simsf. flavicarpa Deg. sobre Passiflora alata Curtis em ambiente de nebulização intermitente. Rev. Bras. Frutic., Jaboticabal – SP, v. 27, n. 1, p. 98-101, 2005.

TESKE, M.; TRENTINI, A. M.M. Herbarium compêndio de fitoterapia. 3 ed. Curitiba, 1997.

RELACIONADOS

AVALIAÇÕES

Faça uma avaliação

    Ruim           Bom

Não há comentários para este produto.

Valeriana Composta 30cápsulas
Ref. 221
  • R$ 37,90

  • 1x de R$ 37,90 sem juros